terça-feira, 7 de outubro de 2014

Fundamentais ignorados

Para quem ainda tinha dúvidas, ontem ficou provado que o mercado está eufórico e que tem pouca percepção dos fundamentais da maioria das empresas cotadas.

Por isso ontem o mercado foi surpreendido com o pedido de falência da GT Advanced Technologies Inc (GTAT), fornecedora dos vidros de safira dos iPhone4 e iPhone5 mas, aparentemente não do iPhone6 (aquele que dobra).

Para se ter uma pequena noção da barbaridade a que a sua cotação chegou, apesar de ter uma dívida de longo prazo de 136% o seu capital próprio, o mercado avaliava a GTAT em 25 vezes os seus activos tangentes (*).

Eis o gráfico da GTAT (cortesia do FT.com):


(*) O valor dos activos tangentes é um indicador difícil de manipular pelo que procuro tê-lo sempre em conta na hora de avaliar uma empresa.

​DS