segunda-feira, 1 de abril de 2013

Ben Bernanke: tudo isto é uma cleptocracia

Questionado sobre o efeito riqueza por um congressista, Ben Bernanke parte a loiça toda:

"O efeito riqueza. Ah, certo. Quer saber sobre o efeito riqueza. Bem, vou ser sincero consigo. Tudo isto é uma cleptocracia: o sistema financeiro, o sistema político é uma grande cleptocracia. É esse o real efeito riqueza".

Parecendo encontrar o equilíbrio, Bernanke continuou com uma paixão que surpreendeu o público. "Sabe, eu disse a mim mesmo para apenas repetir a linha do partido por mais um ano para que eu pudesse sair do cargo calmamente e deixar Yellen ou outro dos bajuladores assumir, mas eu percebi que não tenho mais estômago para estas mentiras, o ofuscamento e a pilhagem".
 
"Sim, eu tenho uma pequena posição alinhada no Goldman Sachs depois da minha aposentadoria. Sabe, dar alguns discursos e meter ao bolso um par de milhões de dólares, mas estou cansado todo esse dinheiro sujo". 


Inclinando-se para o microfone, Bernanke perguntou: "Você não está cansada da sujidade de todo o dinheiro que você ganha? Você não está cansada das mentiras que estamos vivendo?".

"Eu devo ser um especialista em economia. Então, eu vou te dizer como o sistema funciona em termos muito simples. Isto,
na verdade, não é diferente do Império Romano. O truque é chegar perto da sede do poder imperial, que no nosso país é o governo federal. Depois, suborna os influentes - há sempre muitos - para que eles lhe concedam privilégios especiais, subsídios, contratos ou um monopólio. Finalmente, você retira uma grande fortuna desta proximidade do poder político/financeiro e então você compra imobiliário para arrendar - sabe, milhares de casas de aluguer, terra, edifícios em Manhattan, obrigações municipais livres de impostos e assim por diante..."

"Foi assim que nós acabamos com os cartéis a mandar em tudo: defesa nacional, saúde, ensino superior e sector financeiro. Você - a nobreza eleita - permitem esta vasta
operação de pilhagem em nome da democracia e do capitalismo Mas todos sabemos que estas são fachadas. A democracia é uma fraude, a nível nacional, mas somos todos muito covardes para confessá-lo"
 
Depois de beber um gole de água, Bernanke diz, "Deixe-me contar um pequeno segredo sobre todas as nossas políticas baseadas em princípios keynesianos. Paul Krugman e eu colocamos máscaras de médicos curandeiros e dançamos ao redor de uma fogueira acenando galinhas mortas e entoando cantigas sem nexo. Isso é o keynesianismo . "


"Isto está irremediavelmente cheio de falhas e é um desastre, por uma razão simples: os keynesianos acham que todo o investimento é produtivo quando, na verdade, a maioria do investimento é improdutivo e acaba em perdas. Mas não é permitido reconhecer
essas perdas porque as pessoas próximas do poder iriam perder"
 

"Como resultado, tudo que fazemos e dizemos aqui em Washington e em Nova York, é uma paródia de uma paródia de uma farsa, um desfile interminável de mentiras e meias-verdades. O Presidente Bush, no seu modo caseiro próprio, disse a verdade quando disse: «Este otário está indo para baixo» Ele se referia à cleptocracia, a fraude todo que vivemos para enriquecer-nos e manter o poder. Já tive o bastante, senhoras e senhores, e esta é a minha última aparição pública como um funcionário da Reserva Federal

PS: dia das mentiras ;-)