sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

A piada da semana

Como disse Albert Einstein, "A diferença entre a genialidade e a estupidez é que a genialidade tem limites".



Depois do fiasco da lei "Obamacare" e sobretudo do respectivo site healthcare.give-it-out healthcare.gov (ver imagem em cima, capturada há pouco), o presidente dos EUA Barack Obama decidiu, em jeito de desespero, lançar mais uma "medida" a ver se a sua popularidade para de se afundar. Apresento-vos a última "medida" de Obama: "Raise The Wage":


Porque não fazer o mesmo em Portugal perguntam? Assim seria fácil ao governo por a economia de novo a funcionar, certo? Errado porque, no médio e longo prazo, as forças de mercado não são manipuláveis: aumentar actualmente o salário mínimo teria automaticamente as seguintes consequências:
  1. Aumento do desemprego;
  2. Aumento do trabalho temporário e precaridade;
Noutra altura, com uma economia forte, poderíamos não ter as consequências acima descritas mas teríamos certamente um aumento da inflação, ou seja, o ganho de poder de compra seria nulo. Alias, como se pode ver no gráfico abaixo, o próprio governo Americano sabe isso pois apesar de sucessivas subidas no valor nominal do salário mínimo, o valor real (ajustado à inflação) deste tem vindo a descer desde 1968 (cortesia da Gallup):


Votos de um bom fim-de-semana,

 DS