terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Made in EU

Hoje decidi expressar a minha opinião e alguns conselhos acerca do mais recente escândalo alimentar pois, apesar de não ser este o tema do blog, é um assunto demasiado importante para eu não falar nele.

O problema dos produtos vindos da Roménia, da China ou de outro qualquer país não desenvolvido não é apenas económico. É sobretudo um problema de saúde pública pois enquanto que na Europa e em todos os países desenvolvidos há legislação que proíbe o uso de determinadas substâncias nocivas para a saúde humana, nas Roménias e Chinas por este mundo fora a escassa legislação que existe é simplesmente ignorada pois a corupção fala mais alto e só não vale arrancar olhos.

Por isso há algo que já faço há uns anos e que aconselho vivamente a fazerem (se não o quiserem fazer por vós façam-no pelos vossos filhos pois eles não sabem em que mundo vivem e por isso estão indefesos):

1- Ver SEMPRE ONDE É FEITO OU DE ONDE PROVÉM determinado produto alimentar;

2- Comprar de preferência os que provêm da União Europeia (UE);

3- Caso o produto não seja originário da UE comprar apenas os que venham de um país desenvolvido;

4- Rejeitar a compra de qualquer produto alimentar que não cumpra os requisitos do ponto anterior;

5- Por último castiguem as marcas envolvidas nesses escândalos tais como o Ikea e as suas almôndegas de cavalo deixando de comprar os seus produtos. Apesar de nunca ter comprado as almôndegas, eu comprava ocasionalmente produtos do Ikea mas não comparei mais nada vindo de lá.

DS