quinta-feira, 5 de julho de 2012

S&P 500 encontra resistência

O S&P 500 fechou na passada 3ª feira nos 1374, ligeiramente acima da forte resistência nos 1371. Terá sido uma verdadeira quebra ou uma falsa partida? Eis o gráfico semanal, onde é bem visível a importância desta resistência (cortesia da StockCharts.com):




Na minha opinião esta terá sido mesmo uma falsa quebra em alta. Eis porquê:
  1. A crise da dívida soberana Europeia continua por resolver e, contrariamente ao que alguns sábios pensavam, já está a fazer mossa na economia global;
  2. Os bancos centrais estão de mãos atadas pois depois de anos a fio a incentivarem as subidas dos preços de diversos activos financeiros, a única coisa que conseguiram foi aumentarem os desiquilíbrios económicos - e consequentemente os riscos de futuros choques - entre economias desenvolvidas e em desenvolvimento;
  3. Apesar de inúmeras tentativas de travar o processo por parte dos mesmos bancos centrais, a desalavancagem nos países desenvolvidos continua em velocidade de cruzeiro; 
  4. A perda de momentum dos mercados é cada vez mais evidente e, à medida que os investidores se apercebem disso, vão-se desfazendo dos seus activos de risco;
  5. Os indicadores avançados da actividade económica apontam para mais arrefecimento desta.

Ver também: O que dizem os "génios"..

DS