quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

GALP ENERGIA

A Galp Energia SGPS, SA (Galp) é uma holding das empresas envolvidas em várias áreas: Exploração e Produção, Refinaria e Marketing, Gás natural e electricidade. Na área de exploração e produção, a companhia está principalmente envolvida na exploração de petróleo e gás no Brasil e em Angola. Na área de Refinaria e Marketing, a Galp está activa no funcionamento das refinarias de petróleo e gás para a produção de gasolina, diesel e combustível de avião, entre outros. Ela opera duas refinarias em Portugal: uma em Sines e outra no Porto. Na área da energia, a Galp gera energia eléctrica e térmica. No segmento de Gás Natural, a principal actividade consiste na distribuição de gás natural em Portugal e em Espanha. A suas subsidiárias são a Galp Energia S.A., Petróleos de Portugal - Petrogal S.A., Galp Energia SGPS S.A. e GDP - Gás de Portugal SGPS S.A..

A Galp tem fundamentais sólidos, direccionados para o crescimento. A sua dívida de longo prazo é relativamente pequena, o Retorno sobre Capitais Próprios é excelente (27.57 nos últimos 12 meses, não havendo ainda uma média para os últimos 5 anos) tendo, no entanto, uma margem líquida nos últimos 12 meses de apenas 4.78%.

Em termos técnicos, a Galp encontra-se numa tendência descendente que dura desde finais de 2007. Eis o gráfico que me parece descrever melhor a situação técnica da Galp, o semanal:



De salientar temos:

1- O volume diminuiu durante as últimas 4 semanas de quedas (em Outubro), indicando uma exaustão do movimento correctivo;
2- Existe uma flag (padrão de continuação) que poderá, no curto prazo, "obrigar" a mais alguns dias de correcções;
3- A Galp está a negociar num canal descendente cuja quebra em alta a projectará para uma subida de mais de 4€, ou seja, se o quebrar nos 10€ nas próximas semanas o target seriam os 14.5€;
4- Para o médio penso que é muito provável - à semelhança do resto do mercado - termos um rally alimentado short covering: as resistências mais significativas são a zona dos 10€ - limite superior do canal - e, mais significativa e coincidente com o target da quebra em alta do canal, o intervalo [14.5€;15€].

Bons negócios,

Dax Speculator